31 de janeiro de 2011

THE BADASS : Os heróis mais fodões dos jogos 2D - parte 1

Empunhando um trabuco ou mesmo com as mãos nuas; Vivem cercados de inimigos; Costumam comer pedaços de pizza e de tortas encontrados em pilhas de pneus ou barris de ferro; Jamais, eu digo: J A M A I S levam desaforo para casa; Sempre estão de cara feia para intimidar seus oponentes; Alguns tem prazer em lançar bombas, muitas bombas; Muitos tem pouquíssimos amigos, ou até mesmo nenhum; Por onde quer que passam, víceras e tripas voam, sangue jorra, a cobra fuma e o pau quebra solto!
Esses são os famosos Bad-Ass. E agora você confere a primeira parte desse especial aqui no Game Nostalgia.

Os heróis mais fodões dos videogames da era 2D


Kyle Blackthorne

Kyle não poderia deixar de encabeçar essa lista! Logo á primeira vista já se percebe que o cara é um Bad-Ass nato. Sua cara de mal somada ao seu look de cabelos compridos poderia nos enganar, não fosse pelo fato dele carregar uma doze na mão. Ahhh a doze! A típica arma (e uma das mais preferidas) de um Bad-Ass! Mas não é só isso! Vejamos um pouco da história desse guerreiro.
Enviado à Terra por seu pai, o rei Vlaros, Kyle leva consigo a pedra da luz e a protege das garras do vilão Sarlac, o monstro que ostenta a pedra da escuridão e que busca, como todo e qualquer "bom vilão", dominar o mundo. Na Terra, Kyle se torna um renomado comandante militar. Só que (não se esqueçam!) o cara é um Bad-Ass de nascença, e como todo Bad-Ass tem uma incrível tendência a se tornar mercenário, Kyle assim o fez. A consequência disso foi a prisão e a corte marcial.
Mas isso não foi suficiente para pará-lo e após passar por esses e outros apuros no planeta Terra, Kyle regressa para Tull, o seu planeta natal, com a missão de exterminar Sarlac e sua horda de monstros e libertar o seu povo, cativo pelo monstrão. Além de tudo isso, Blackthorne quebra o estereótipo de que todo príncipe é mimadinho e tem jeito de boiola! Esse é o cara!!!
Eu tenho certeza que depois de ler isso, você deve estar neste momento desejando ser igual ao Blackthorne quando crescer!
Sem dó e nem piedade, o Bad-Ass atira para trás, sem ao menos olhar pra ver quem era.

Myke Haggar

Esse é foda! Prefeito da cidade de Metro City, o brutamontes Haggar é um ex-campeão de Luta Livre que decide fazer justiça com as próprias mãos e sair trucidando todo e qualquer meliante que avista pela frente no jogo Final Fight. O cara pode quebrar seus oponentes em várias partes com seus golpes fatais, como a cabeçada no estômago, o "quebra-espinha", o parafuso, e o seu famoso pilão. Além disso, Haggar se destaca pelos "urros" que emite ao desferir alguns golpes e principalmente na hora em que morre. Pois afinal de contas, um Bad-Ass de verdade deve socar como um Bad-Ass de verdade e morrer como um Bad-Ass de verdade. Sem xiliques ou gritinhos de mulherzinha. Até aqui, Haggar já conquistou méritos suficientes para ser considerado um truly Mega Bad-Ass, mas existe um detalhe que vale mais do que tudo. Haggar é um político HONESTO! Fala sério! O cara é fodão mesmo.
A população de Metro City que pense em fazer protesto pra eles verem só!
Com um pilão, Haggar trucida dois oponentes de uma só vez. O gordão é o próximo!

Contra

A série Contra é responsável por trazer ao mundo dos games não apenas uma, mas várias gerações de fodões. Bill Rizer e Lance Bean foram os que começaram a lenda.
Dois comandos armados até os dentes, partem para a guerra. Sua missão: Aniquilar uma organização alienígena que pretende dominar a Terra e acabar com a humanidade. Resumindo, fodões em uma missão fodona. Os dois soldados, ou melhor dizendo, o exército de dois homens, mandam chumbo grosso no traseiro gordo dos aliens e salvam a humanidade e o planeta Terra. Feito isso, como todo Bad-Ass é dotado de uma inteligência e destreza descomunal, eles pensam que, apesar de estar tudo bem naquele momento, no futuro pode ser que a coisa fique preta novamente, então decidem estender sua geração e fazer alguns filhos para que, caso a raça alienígena volte a atacar a Terra, seus descendentes possam dar cabo do assunto. Genial, não?! E foi dito e feito!
Mas não é apenas isso que faz os heróis da série Contra serem grandes fodões. Bill e Lance são os criadores de uma técnica militar especial, que inclusive, é passada de geração em geração. Os caras são capazes de pular girando centenas de vezes no ar, antes de retornar ao solo. É... fodões que se prezam, criam suas próprias técnicas!
Repare na cara desses guerreiros e veja como deve ser o olhar de mal de um Bad-Ass.

Battletoads

Vestidos apenas com braceletes, joelheiras e cinto de ferro com espinhos, com cara de mal e jeitão de folgados, Rash, Zitz e Pimple são os sapos mais fodões do universo. Os caras viajam pelo espaço sideral em uma nave que Han Solo sempre sonhou em ter, esmagando inimigos tão ou mais bizarros do que eles. A típica vida de um Bad-Ass. Mas eles não são sapos comuns. Claro! Um Bad-Ass nunca é um ser comum. Esses sapos são tão fodões que podem transformar seus membros em armas mortais, como uma perna em machado e um braço em marreta. Além de poderem se transformar em um SACO, esmagando, literalmente, de uma vez por todas aqueles que se opuserem a eles. Mas a vida de um Bad-Ass não se resume a acabar com seus inimigos apenas com socos e pontapés não, eles também possuem alguns gadgets bem interessantes, como o space jet (uma mini-nave) e a turbo bike (uma espécie de jetski flutuante). Méritos mais do que suficientes para serem chamados de Bad-Ass, não?!! Ainda não! Como se não bastasse, Battletoads tem uma das chefes e vilãs mais boa esbelta que já foi inventada, a Dark Queen. E os sapões tem que detoná-la. Só mesmo um Bad-Ass seria páreo para essa missão!
Os Battletoads também são conhecidos por protagonizarem um dos jogos mais fodas da história dos videogames. Tão foda que terminá-lo ainda é privilégio para poucos.
Dark Queen. Páreo duro para os heróis sapos.

Kyle de Nosferatu

Mais um Kyle pra nossa lista, comprovando que fodões são tão fodas que tem nomes em comum (nomes fodas). Mas esse, diferente de Blackthorne, não está acostumado a usar armas. Kyle, na verdade é uma espécie de Ritcher Belmont, mas que não usa chicote, água benta ou qualquer outro artifício comum para derrotar vampiros. Mostrando que ele é um cara verdadeiramente fodão, após ter tido sua namorado raptada pelo morcegão Nosferatu, Kyle decide quebrar todo mundo na porrada pra salvar sua amada. E, é usando apenas seus punhos e pernas como armas que ele parte para a aventura. É fodão ou não é?!! O cara enfrenta várias lacraias, zumbis e até mesmo um lobisomen na base da porrada, desferindo socos, pontapés e voadoras. O típico Bad-Ass brigão, que resolve fazer justiça com as próprias mãos, literalmente.
O Bad-Ass Kyle mostra como trucidar um lobisomen na base da voadora.

No próximo post desse especial Bad-Ass, mais cinco heróis pra fechar a lista e as menções honrosas!
Não perca!

4 Comentários:

SNES disse...

Mitou nessa post

Tazbugado disse...

Muito massa esse post, puts muito fodoes mas me diz de que sistema são as fotos do BattleToads ? Só joguei eles no Nintendinho.
Já esse Kyle de Nosferatu e fodão mesmo, qual é a plataforma dele ? Parece celular.

Muito bom mesmo.

Toper Breath disse...

Essa artwork dos Battletoads eu encontrei na net, mas o game que se refere á ela (ou o inverso), é o Battletoads in Battlemaniacs para o SNES !! O Kyle é do jogo Nosferatu do SNES também!! hehe é que a foto ficou meio zuada mesmo kkkkk

valeu!!
abraços

Admilson disse...

Taz, o NOSFERATU e de snes. A imagem não mente, pois o game tem gráficos excelentes, o esque ma do jogo e movimentação lembra muito prince of persia, flashback e o citado blacktorne. Como o cara falou, é um game pocous podem dizer que terminaram, por trazer um desafio cabeludo para a época.